quarta-feira, 30 de março de 2011

Jair Bolsonaro, o deputado racista


Na última segunda-feira (28), o deputado Jair Bolsonaro (PP/RJ), participou do programa CQC, na tv Bandeirantes. Em um quadro em que o público faz perguntas para o entrevistado, o deputado soltou a sua opinião sobre assuntos como cotas raciais, e homossexualismo.

Ávido defensor da ditadura militar e fã dos generais Médici, Geisel e Figueiredo, o deputado acabou criando polêmica, ao ser perguntado pela cantora Preta Gil, o que ele faria se um filho dele se apaixonasse por uma negra. Destilando todo seu preconceito, o deputado chamou esse tipo de relação de "promiscuidade" e diz ter educado os filhos longe de "ambiente, como lamentavelmente" é o dela.

Deixo aqui, total repúdio a esse tipo de político, com a mesma mentalidade escravista, preconceituosa e imbecil, que desgraçadamente ainda tem gente que insiste em passar adiante, afinal, ele foi eleito por uma parte da população brasileira, que ainda se sente órfã de porcarias como TFP, Militarismo, Tortura, Repressão, Censura, etc. Nas próximas eleições, não esqueça o SOBRENOME desse sujeito, pois, além dele, já tem os descendentes pendurados nas tetas do governo.

Abaixo o vídeo da infeliz entrevista.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Entrevista com Casey Heynes, o garoto Zangief

Após ter aplicado um golpe fantástico em seu oponente, o jovem que sofria bullying na escola, vai se tornando herói, para muita gente. Praticamente em todos os cantos do globo, em que o vídeo foi visto, as pessoas parabenizam o menino, pela reação contra os abusos cometidos pelos outros alunos.

Já está rolando pela internet, uma entrevista com o garoto e seus familiares, comentando sobre o caso. A entrevista tem legendas em português.

quinta-feira, 17 de março de 2011

Garoto reage a bullying e vira estrela na internet


Provavelmente, todos que um dia passamos pela escola, já fomos zoados pelos outros alunos e ganhamos apelidos maldosos, que muitas vezes, nos acompanham pelo resto da vida. Mas, um adolescente australiano, identificado como Casey, cansou de ser o "saco de pancada" da escola, e pôs fim ao bullying.

O garoto gordinho, reagiu de forma espetacular, às agressões de um colega, menor e magrinho (aquele típico franguinho folgado). A brutalidade do revide foi gravada pelos próprios alunos, e o garoto ganhou um novo apelido, Little Zangief (Pequeno Zangief), em uma referência a um lutador brutamonte do game Street Fighter.

De vítima de chacota, o garoto passou a estrela, pois, o vídeo se espalhou como vírus pela internet e o menino já ganhou até um site. Evidentemente, esse tipo de reação é condenável, uma vez que faz valer a máxima "violência só gera mais violência" e não leva a uma solução definitiva para o problema, mas, sem dúvida, o menino fez o que muita gente gostaria de ter feito na adolescência.

Abaixo, o vídeo do "Street Fighter Mirim".

video

segunda-feira, 14 de março de 2011

De Deodoro a Dilma: especial do Estadão

Vale a pena dar uma conferida no especial, (De Deodoro a Dilma), lançado pelo jornal Estadão, que mostra a trajetória política do Brasil, nestes pouco mais de 120 anos de República. É uma boa dica de pesquisa, para quem deseja saber ou compreender um pouco mais, os fatos que marcaram o Brasil, desde Deodoro da Fonseca, até a atualidade, passando por episódios, como a Guerra de Canudos, Lampião e o Cangaço, a Revolução Constitucionalista de 1932, o Estado Novo de Getúlio Vargas, a Ditadura Militar e outros fatos importantes.

quinta-feira, 10 de março de 2011

Decanos Brasileiros: Fábio Konder Comparato

Neste episódio da série "Decanos Brasileiros - Dez Visões Sobre a Democracia no País", o jurista Fábio Konder Comparato analisa a vida política do país nos últimos 60 anos.

Fonte: Estadão

quarta-feira, 9 de março de 2011

Morre baixista da formação clássica do Alice in Chains


Morreu nesta terça-feira (8), o baixista dos primeiros álbuns do Alice in Chains, Mike Starr. Mike nasceu no Havaí e estava com 44 anos. Participou da gravação dos álbuns 'Facelift', 'Dirt' e do EP, 'Sap'. Starr integrou o Alice in Chains de 1987 até 1993, quando saiu alegando problemas particulares e foi substituído pelo baixista Mike Inez.

Seu problema com drogas já vem de longa data, e foi um dos motivos que prejudicaram sua carreira promissora. Em 2001 ele lançou uma autobiografia, chamada: The Story of Mike Starr and his rise and fall in Alice in Chains.

Mike apareceu na terceira temporada de 'Celebrity Rehab', em 2009, e foi preso no mês passado, por posse de substâncias controladas. Ainda não há muitos detalhes sobre as causas de sua morte, mas, seu pai declarou que o fato foi 'um terrível choque e tragédia'.

Abaixo, um dos grandes momentos do Alice in Chains, ainda com Mike Starr e Laney Staley. RIP Mike!!


Fontes: Whiplash e TMZ